Bárbara Lemos
Follow me

E ESTAMOS JUNTOS OUTRA VEZ…

E ESTAMOS JUNTOS OUTRA VEZ…

E passadas 2 semanas, estamos finalmente os 4 juntos outra vez…

A Kika e o Ricky vieram de comboio até Braga e na quarta, às 17h30, na hora de saída das terapias da nossa Rafinha, assim que ela viu a porta não me viu a mim. Ela nem queria acreditar, viu a sua Kikika e o papá. Eu já sabia que ela sentia muita falta deles, mas nunca imaginei que fosse tanta. E que feliz que ela ficou. Foi maravilhoso ver a reacção dela, só me dizia: “mãe, é Kikica e Papá”… saiu da clinica de mão dada com o papá e com a Kika, e que feliz que eu estava também.

Mas apesar de estarmos juntos, as rotinas e as terapias tinham de continuar. Na quinta de manhã fomos os 3 levá-la à clinica e foi super feliz que nos disse adeus acompanhada da terapeuta Flávia, para a sessão de terapia da fala que ela adora 😉 acho que nunca expliquei os horários mas aqui ficam. Todos os dias a Rafa tem terapias das 09h às 12h30 e das 14h às 17h30, sendo que no horário de almoço, tem 1h30 para almoçar e dormir uma pequena sesta. Esta semana foi muito atípica, desde segunda que não consegui que dormisse. As terapeutas acham que se deve ao facto de eu na primeira semana ter estado com ela e na sexta, depois de dar o almoço, sesta e a entregar para as terapias da tarde vim embora durante 1 semana, e ela pode ter associado o facto de dormir ao ficar sem a mãe. O que é certo é que as horas de almoço foram sempre super agitadas, notava-se que estava sempre ansiosa e não dormia.

Enquanto a Rafa estava nas terapias aproveitamos por passear com a Kika e mimá-la também um pouquinho… e até brincar um pouco na praia em Matosinhos brincou, foi a felicidade total. Nas horas de almoço, estávamos os 3 com a Rafa mas no ultimo dia, na sexta, tentei po-la a dormir mas ao ver que não queria e que estava mesmo agitada, tomei a decisão de esquecer a sesta e fomos os 4 passear pelo centro histórico de Braga, e que animação. Braga está uma cidade fantástica (pessoas de Guimarães, não leiam isto.. lol); mas a verdade é que o centro histórico em nada se compara ao de Coimbra, a vida que se vê, o comércio, a agitação é mesmo de uma grande cidade. Levamos as 2 princesas aos baloiços, brincaram nos insufláveis que lá estavam, e o melhor foi ver a felicidade da Rafa ao estar com a irmã (muitas fotos no final)… É algo que me custa no mundo das terapias, é a Rafa não ter tempo para ser criança… mas na sexta foi.. e foi TÃO BOM..

Conclusão, foram 2 dias fabulosos que passaram a correr mas que deram mais energias à nossa Rafinha para continuar a sua luta. Já estou de regresso a Coimbra porque me espera uma semana de trabalho muito longa, mas tem de ser… no próximo fim de semana já regressamos a Guimarães e todos novamente para mimar a nossa Rafinha 😉

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

No Comments

Post A Comment